Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Fatos e Fotos

Baú de Relíquias - A bola não pára

O Cobrador De Pênalty

Houve, em Santa Rosa, uma das mais importantes empresas ligadas à comercialização da soja. Chamava-se Floresta S.A. e tinha como expoentes JOÃO HOFFMANN e LEONISIO GRANDO.

Importado como contabilista, aqui chegou, vindo de Santana do Livramento JOEL ITAVERNU BARRETO DE BRAGANÇA, que havia atuado no 14 de Julho.

Com sua sabida experiência logo se enturmou no Paladino e conseguiu ser um dos destaques. Jogava como ponta de lança ou de zagueiro central.

Houve um pênalti a favor.

Se o gol fosse convertido o Paladino alcançaria o título.

Os batedores oficiais eram CHICO QUEIROZ e CHARLES. Estes se entreolharam, como a dizer - Quem bate?

JOEL agarrou a bola, colocou-a na marca da cal, dizendo – É tudo comigo!

Desperdiçou a cobrança, o titulo não veio e ele, para continuar jogando, formou o Floresta F.C., onde os cobras eram o próprio Joel, Carlinhos Hoffmann e Bernardo Elisalde, o Sargento CAMANGA.


Copyright © João Jayme
Site desenvolvido por Mérito Propaganda