Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Fatos e Fotos

Baú de Relíquias - A bola não pára

Clube Guarany de Caça e Pesca

Quando de sua fundação, o Clube alugou ou serviu-se de um local para prática de tiro ao alvo e tiro ao prato, numa área de propriedade da família Kroth, cuja entrada era em frente ao portão do atual cemitério, numa baixada, onde havia as linhas de tiro e um poção para banho juntos.

Nas provas de revólver havia poucos competidores. Lembro dos Majores COUTINHO e WALDIR.

A maioria praticava o tiro ao prato, tendo como expoentes JOÃO RIGON, JOÃO HOFFMANN, ZECA SEGER, LEONISIO GRANDO, TITUS BIRMANN e outros menos votados, como JOÃO AGUIRRE ARAUJO que embora, participasse da maioria dos acontecimentos sociais, nunca foi bom de grana.

Os outros, como dispusessem de poder financeiro, “importavam” armas – LASSORDA, TARASQUETA e outras específicas e coletes especiais, com bolsos, para portarem a munição. Seu Joãozinho Araujo dizia:

– ah se eu tivesse as mesmas armas deles, seria, com certeza, tão bom quanto.


Desfile da Semana da Pátria – TIRO AO ALVO - Em destaque Mauro Schneider e Hugo Dreyer (Acervo: Mauro Eliseu Schneider)

Copyright © João Jayme
Site desenvolvido por Mérito Propaganda