Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Fatos e Fotos

Baú de Relíquias - A bola não pára

Nenê Canha

Em determinado ano, penso ser 1958, o Juventus disputou em divisão de profissionais o Campeonato Estadual. O penúltimo jogo da temporada foi em Ijui e, para surpresa de todos, logrou bater o GAUCHO por 3 x 2. Exibição de gala do Adão (Taquariano) que foi o artilheiro. No domingo seguinte, houve a partida da volta. Um dos inscritos na Federação pelo Juventus era alguém que já estava deixando o futebol, ou, o futebol deixando ele. Sesteava, quando foi acordado pelo Presidente do Clube, para ir ao Estádio CARLOS DENARDIN completar o número mínimo legal de atletas exigido pelas Regras.

O placar do jogo foi 5 ou 6 para os visitantes. Causa: um dos jogadores que formava o todo e não por acaso chamava-se NENE CANHA, não conseguia parar em pé e era um dos sete que disputaram a partida pelo JUVENTUS.


1956 -Juventus 2 x 2 Paladino. Taça DAMAS DE CARIDADE – De pé: Jambalaia, Nenê, Antoninho Conde, Paulinho, Ruy, Luiz Carlos – Zelmar Mello – Agachados: Nego, Bircke, Luiz Capellari, Jayme e Waldemar.(Ruy Araujo Graffunder).

Copyright © João Jayme
Site desenvolvido por Mérito Propaganda